25 de abril na Itália
Bairros de RomaVer

25 de abril na Itália: a resistência nos murais e nas histórias do Quadraro

No meu bairro existe um muro, quase sempre frequentado por jovens, onde um pichador anônimo deixou a frase Viva la Resistenza! Resistenza, no caso, refere-se ao movimento armado que se opôs ao fascismo e à ocupação da Itália pela Alemanha nazista. Um inverno se foi. Outro chegará. Continuo passando lá e quando parece que aquela escrita está prestes a se apagar alguém reforça com a tinta o contorno daquelas letras.

Viva La Resistenza

Ultimamente, junto à frase louvando heróis nacionais surgiu uma suástica que alguém – na tentativa de dissimular o seu triste significado simbólico – tentou disfarçar com margens que a transformam em uma espécie de quadrado. Uma guerra fria de sprays entre writers de quarteirão.

É a memória que insiste em insinuar-se entre as novas gerações, nem sempre atentas ao passado. No feriado de 25 de abril a Itália relembra a libertaçao do domínio nazifascista graças à ação de soldados americanos e britânicos e aos esforços dos partigiani, guerrilheiros antifascistas que defenderam os seus ideais com a própria vida. O que aconteceu no meu bairro também repetiu-se em outra parte da cidade, com a pichação de um monumento dedicado aos soldados do Quadraro.

25 de abril na Itália

Quem vem para Roma pela primeira vez dificilmente aventura-se no microcosmo dos bairros mais afastados do centro e Quadraro é um nome que poucos estrangeiros já devem ter ouvido falar. É uma área da parte sul da cidade, um quartiere de gente comum. De barbeiros com a porta sempre aberta. De oficinas mecânicas. De tapeceiros. De moradores que em plena Segunda Guerra Mundial – quando um pão recheado com linguiça era um luxo, castanhas esfomearam meio país e a goma de mascar americana era um sonho de consumo – muitos jovens do passado projetavam o futuro.

25 de abril na Itália

O Quadraro faz parte de uma das páginas mais importantes da história de Roma e do país. Em um contexto de miséria, no bairro refugiavam-se muitos partigiani durante o trágico período de ocupação nazista. Ali organizavam atos de sabotagem, escondiam munições e armas. Até hoje e principalmente no feriado do dia 25 de abril o Quadraro é associado a uma comunidade lutadora e de alma política, em seu sentido mais amplo. Isso porque o bairro foi palco de um dos mais trágicos episódios de deportação durante o domínio nazista.

25 de abril na Itália

Para punir violentamente os partigiani que reuniam-se no Quadraro, no dia 17 de abril de 1944 mais de mil moradores do bairro foram aprisionados e assassinados pelos alemães. Só alguns deles conseguiram fugir. Para quem conhece a língua italiana, sugiro a leitura do livro Storie di uno scemo di guerra, de Ascanio Celestini, repleto de anedotas reais e imaginárias sobre o bairro. 

25 de abril na Itália

Menos de um mês antes, em 24 de março do mesmo ano, SS nazistas fuzilaram 335 italianos nas chamadas Fossas Ardeatinas, em um ato de represália contra um ataque com bomba que atingiu  32 soldados alemães na Via Rasella, no centro de Roma. Os nazistas declararam que para cada alemão morto seriam assassinados dez italianos escolhidos entre prisioneiros políticos e comuns do Cárcere regina Coeli e da sede de torturas da Via Tasso, hoje sede do Museo della Liberazione.

25 de abril na Itália

Para lembrar a resistência no Quadraro, o bairro foi decorado por diversos murales de street art em homenagem a quem pagou com a própria vida  a defesa de  seus ideais. Na Via dei Pisoni, por exemplo, a figura de um Hulk criança parece dizer: Estou pronto para qualquer batalha!

O meu preferido, no entanto, é o mural chamado Nido di Vespe (Ninho de Vespas) realizado pelo artista romano Lucamaleonte na Via Monte del Grano, pertinho da parada Porta Furba da linha A do metrô em Roma.

As vespas lembram a operação Unternehmen Walfish ou Operação Baleia, quando a Gestapo e a polícia fascista deportaram os habitantes do bairro para os campos de concentração. Nenhum deles traiu os companheiros cedendo informações à Gestapo e o mural homenageia o orgulho com o qual os moradores aceitaram o apelido dado ao Quadraro em sinal de desprezo: ninho de vespas.

25 de abril na Itália

O mural pode não ter o mesmo status de um museu renomado, mas é a abstração de uma história real, feita de gente de carne e osso. De pessoas simples que não procuravam o título de heróis. Como os habitantes do Quadraro, um dos melhores símbolos do dia 25 de abril.

Leia também outros textos sobre esse importante feriado na Itália:

Memória escrita com as unhas

25 de abril na Itália: da libertação à constituição

25 de abril: Roma ainda é uma “cidade aberta”

INGRESSOS PARA ATRAÇÕES

Se você encontrou dicas e informações úteis nesse blog, uma maneira legal de retribuir o Post-Italy.com é comprar antecipadamente, online, os seus ingressos para atrações italianas, inclusive o Roma Pass, com o nosso parceiro, a Get your Guide. É rápido, em português e você recebe os vouchers diretamente por em-mail. Todo mundo sai ganhando e você evita filas em qualquer cidade da Europa! Você pode dar uma olhada na página da Get your Guide e conferir.

TRANSFERS

Se procura motoristas confiança para te pegar no aeroporto ou para te acompanhar até o hotel ou em qualquer bate e volta, reserve o seu transfer aqui.

RESERVA DE HOTÉIS

Esse blog só existe graças à colaboração de cada um dos leitores. Por isso, se você realizar a sua reserva através dos links do Hostelsclub ou do Booking.com aqui no Post-Italy.com, as plataformas repassam uma pequena comissão para nós e você paga menos pelo seu hotel. Você apoia o nosso site e já sai do Brasil com tudo programado.

SEGURO DE VIAGEM

Ninguém merece imprevistos durante uma viagem. Compare preços e reserve também o seu seguro de viagens, evitando qualquer perrengue durante a sua permanência no exterior.

Seguro viagem geral 300x250

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *