Booking.com
Cultura

Bernini: um gênio dividido entre a fama, adultério e fofocas

Aqui na capital italiana existe um provérbio em dialeto romanesco para exaltar a dificuldade em encontrar uma coisa: Cerca’ Maria pe’ Roma (Procurar Maria por Roma), como os problemas para identificar alguém com um nome tão comum em uma metrópole.

Parafraseando ironicamente esse aforisma, poderíamos substituí-lo com a expressão Cerca´Bernini pe´Roma, considerando as inúmeras obras do artista na cidade eterna.

Exageros à parte, Gian Lorenzo Bernini (1598-1680) foi um dos escultores que mais influenciaram a fisionomia de Roma, transformando-a em um verdadeiro reduto do barroco italiano.

Filho de um escultor originário de Nápoles, Gian Lorenzo mudou-se para a capital italiana ainda criança e o seu talento era evidente já na juventude.

Segundo alguns historiadores, ele teria começado a esculpir aos 13 anos de idade!

Uma de suas obras mais famosas, Apolo e Dáfne – encomendada pelo cardeal e colecionista de arte Scipione Borghese – foi realizada quando o artista tinha menos de 25 anos.

Foto: Wikimedia

Exposta no Museo e Galleria Borghese, em Roma, a escultura é uma das provas que Bernini transformava um material rígido como o mármore em movimento, em algo metamórfico, em carne.

Outras obras como O Rapto de Perséfone (Museo e Galleria Borghese) confirmam o seu talento de atribuir humanidade às esculturas.

The_Rape_of_Proserpina_

Foto: Wikimedia

Os personagens de suas obras não posam, impassíveis, diante dos olhos de quem as admira. Suas criações respiram, fogem, gritam de dor.

Sua genialidade garantiu a beleza de algumas das praças mais famosas de Roma, como a Piazza Navona e Piazza di Spagna, enriqueceu igrejas como San Francesco a Ripa, em Trastevere, vitalizou fontes como a Fontana delle Tartarughe, no gueto judaico, decorou pontes monumentais como Ponte Sant´Angelo.

Gian Lorenzo conquistou os grandes mecenas da arte de sua época: os pontífices originários de famílias nobres Urbano VIII (família Barberini), Innocenzo X (família Pamphilj) e Alessandro VII (Família Chigi), foi nomeado cavaleiro da Ordem de Nosso Senhor Jesus Cristo e escolhido para realizar algumas das principais obras da Basílica de São Pedro.

Graças ao papa Urbano VIII, Bernini também ousou nos setores da pintura e da arquitetura.

São de sua autoria o projeto das colunas monumentais da Piazza San Pietro, o imenso baldaquino que emoldura o altar da Basílica e a caixa de bronze da catedra de São Pedro.

baldachino-bernini-romaA maioria de nós conhece as glórias do escultor, mas Bernini também vivenciou dias difíceis.

Pouco tolerante de gênio difícil, o artista apaixona-se por Costanza Bonarelli, esposa de um de seus assistentes. Assim, realiza para si mesmo um busto em mármore de Costanza (Museo del Bargello, Florença) em circustâncias íntimas: a boca ligeriamente aberta, a camisa desbotoada os cabelos despenteados.

Ao descobrir que a amada o traia com seu irmão, Luigi Bernini, o artista ordenou a um servo que ferisse o rosto perfeito de Costanza, que acaba sendo presa, acusada de adultério.

Nessa mesma fase o artista é encarregado de construir duas torres para embelezar a Basílica de São Pedro, mas exagera com o peso do material e depois de inúmeras rachaduras as mesmas são demolidas por volta de 1645.

Com idade avançada, enfrentando um revés profissional e uma crise moral comprometidos, só uma nova chance poderia consagrar novamente a genialidade do artista.

Essa oportunidade chega com a escultura de Santa Tereza de Ávila, fundadora do convento das carmelitas descalças, e situada no interior da igreja de Santa Maria della Vittoria.

Realizada em mármore e bronze, Êxtase de Santa Tereza é considerada uma das mais cenográficas do artista porque mescla o mistério e sensualidade, dor e prazer.

A escultura representa a santa no momento em que o seu peito é atingido pela flecha do anjo do amor divino. O seu rosto demonstra um misto entre êxtase e exaustão. Bernini confirmou-se definitivamente como um expoente do Barroco e o mundo da arte ganhou outra obra-prima.

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *