busca de antepassados italianos
DiárioInformações práticas

Busca de antepassados italianos: dicas para uma pesquisa genealógica

Como quase todo brasileiro, sou o resultado de um mix de culturas. Avô espanhol, avó de origem polonesa, bisavós italianos. Confesso para vocês que durante toda a minha existência, um fio invisível me ligava a um personagem: minha bisavó materna.

Busca de antepassados italianos

Eu a conheci somente através de poucas fotos que a retratavam em idade avançada. Durante anos tentei imaginar o seu rosto jovem, o tom de voz, como suas rugas se dissipavam em um sorriso. Pensei que, se pudesse, sentaria ao seu lado e lhe pediria simplesmente para me contar quem é, sem filtros, sem que polisse os momentos felizes, abrandasse as amarguras ou apagasse os ressentimentos. Um resgate nu e cru.

Busca de antepassados italianos

As perguntas seriam tantas. Como era a Itália que você deixou? Que Brasil sonhava encontrar? Como concentrar em uma mala uma vida inteira? De onde veio a coragem para enfrentar uma viagem rumo ao desconhecido com dois filhos pequenos?

Juntando seus poucos objetos pessoais a fotografias em preto e branco, consegui reconstruir mentalmente uma mulher e guardei essa bisavó idealizada em uma de minhas gavetinhas imaginárias.

Busca de antepassados italianos

Por destino, coincidência, afinidade ou todos esses elementos juntos, me mudei para a Itália em 2001 e quase todos os anos passei férias em uma de minhas regiões favoritas no país; a Toscana.

Busca de antepassados italianos

Ano passado a vontade de voltar a descobrir minhas origens voltou a se manifestar e comecei a pensar em como obter novas informações sobre meus ancestrais italianos. Fazer uma pesquisa genealógica é como encaixar peças de um quebra-cabeça. Você precisa ser hábil para entender por onde começar e ter paciência para combinar aquilo que sabe com os dados que estão faltando.

Busca de antepassados italianos

Intuitivamente, o primeiro passo foi conversar com os parentes que conviveram com os antepassados italianos e tentar recuperar informações úteis como data de nascimento, dia de chegada no Brasil, data de morte, documentos de identidade, passaportes ou cartões de imigração.

No meu caso, um primo foi fundamental nesse processo de reconstrução, mas tínhamos realmente poucos dados em mãos. Além do nome completo, só sabíamos que meus bisavós haviam chegado ao Brasil com dois filhos pequenos, Tereza e Lorenzo, por volta de 1901.

Busca de antepassados italianos

Durante minhas férias no Brasil, fui até o cemitério onde minha bisavó havia sido enterrada e em seu registro descobri exatamente a data de seu nascimento e o nome de seus pais, meus tataravós.

A Internet é uma grande aliada na busca por informações e no final desse post vou sugerir vários sites úteis para quem pretende fazer uma busca de seus antepassados.

Busca de antepassados italianos

No meu caso, o ponto de partida foi o acervo digital do Museu da Imigração em São Paulo, mas infelizmente não encontrei nenhum dado do Registro de Matrícula dos italianos que passaram pela Hospedaria de imigrantes. Também consultei sem sucesso sites como Familysearch.org e Ancestry.com, rico de informações sobre imigrantes italianos que desembarcaram nos Estados Unidos da América.

Desanimada, decidi que o próximo passo seria consultar, uma a uma, a lista dos passageiros dos navios que atracaram no porto de Santos entre 1900 e 1901. A fonte mais confiável é a seção “Entrada de estrangeiros” do Arquivo Nacional e o SIAN – Sistema de Informações do Arquivo Nacional. É preciso registrar-se para ter acesso ao site.

Busca de antepassados italianos

Passei noites folheando virtualmente os arquivos e, para a minha surpresa, encontrei os nomes de meus bisavós na lista do navio Città di Genova, que partiu em 19 de abril de 1901. Ali estavam escritos à mão o estado civil, idade e procedência de cada um deles. Foi uma agradável descoberta ler que, além do marido e dos dois filhos, ela viajou na companhia da sogra, nascida em Monte San Savino.

Decifrando uma caligrafia minúscula, constatei que a terra de origem de meus bisavós era Marciano della Chiana, na Toscana, uma cidade bem próxima à região que visito todos os anos, a adorada Val d´Orcia.

Busca de antepassados italianos

Escrevi para a prefeitura das cidades de Monte San Savino e Marciano della Chiana, que me ajudaram na pesquisa. Fui até às duas cidades e visitei uma das paróquias de Marciano della Chiana. Principalmente em cidades pequenas, as igrejas italianas conservam um patrimônio de informações, como registro de nascimentos, batizados e casamentos. Graças a disponibilidade de um diácono, tive a chance de folhear os livros nos quais foram registrados o nascimento e o casamento de meus bisavós, em 1895. A emoção foi imensa. Já tinha a cidadania italiana e o motivo de minha pesquisa era puramente afetivo.

Busca de antepassados italianos

No arquivo da paróquia descobri que minha tataravó materna foi órfã. Por isso, seu sobrenome no registro era Innocenti, um nome atribuído a todas as crianças que passaram pelo Istituto degli Innocenti, um orfanato toscano que ainda hoje conserva objetos que pertenciam as crianças abandonadas.

Visitei as cidades de meus ancestrais e me senti perto de uma parte de vida passada que só posso imaginar mas que também me transformou na pessoa que sou hoje.

Para quem pretende fazer uma pesquisa genealógica e descobrir seus antepassados italianos, aqui estão alguns sites úteis:

Arquivo Nacional

SIAN

Museu da Imigração do Estado de São Paulo

Family Search

Ancestry

My Heritage

Museo degli Innocenti: antigo orfanato em Florença que ainda hoje conserva objetos que pertenceram às crianças ali abandonadas. Consulte o site aqui

Portale degli Antenati: Site, em italiano, com os arquivos históricos digitalizados de muitas prefeituras italianas

Cognomix: Site que ajuda você a verificar em qual cidade da Itália um determinado sobrenome é mais comum.

No site das prefeituras: Procure pela seção URP (Ufficio Relazioni con il Pubblico) e escreva detalhando o tipo de informações que necessita.

Centro AltreItalie: site com registros de passageiros italianos que desembarcaram nos portos de New York, Buenos Aires e Victoria.

Liberty – Ellis Esland Foundation: Informações sobre imigrantes que desembarcaram em New Yorl entre 1892 e 1924.

EVITE FILAS COMPRANDO INGRESSOS ANTECIPADOS

Se você encontrou dicas e informações úteis nesse blog, uma maneira legal de retribuir o Post-Italy.com é comprar antecipadamente, online, os seus ingressos com o nosso parceiro, a Get your Guide. É rápido, em português e você recebe os vouchers diretamente por em-mail. Todo mundo sai ganhando e você evita filas em qualquer cidade da Europa! Você pode dar uma olhada na página da Get your Guide ou nos links aqui embaixo, com algumas da principais atrações italianas.

Esse blog só existe graças à colaboração de cada um dos leitores. Por isso, se você realizar a sua reserva através dos links do Booking.com aqui no Post-Italy.com, a plataforma repassa uma pequena comissão para nós e você paga menos pelo seu hotel. Você apoia o nosso site e já sai do Brasil com tudo programado.

SEGURO DE VIAGEM

Ninguém merece imprevistos durante uma viagem. Compare preços e reserve também o seu seguro de viagens, evitando qualquer perrengue durante a sua permanência no exterior.

Seguro viagem geral 300x250

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *