Booking.com
consulado do brasil em Roma
MonumentosVer

Pasquino: a estátua falante em Roma

Passeando pelas ruas da capital italiana, cruzamos com diversas estátuas e nem imaginamos que muitas delas tem muita história para contar.

Bem pertinho do Consulado do Brasil em Roma, na chamada Piazza Pasquino, situa-se uma estátua famosa; aquela de Pasquino, artesão italiano conhecido por sua veia satírica e popular entre os séculos XVI e XIX.

estátua Pasquino

A história dese monumento é ligado ao poder pontifício.

Durante o período temporário de dominação papal, os habitantes de Roma esperavam o escurecer para pendurar na estátua piadas, cartazes e versos contra aqueles que detinham o poder.

Geralmente, as frases eram escritas em latim ou em dialeto romanesco e funcionavam como um megafone para as reivindicações, as denúncias políticas e as críticas dos romanos contra as autoridades locais.

pasquinate

Os cartazes pendurados foram chamados de “pasquinate” e até hoje essa expressão é utilizada na língua italiana para indicar aquelas frases anônimas usadas ridicularizar o poder.

Muitos papas tentaram eliminá-la. Outros exigiam que guardas vigiassem a estátuta para  evitar os cartazes. Papa Benedetto XIII, por sua vez, emanou um decreto que previa a pena de morte para os plebeus que ousassem contestar o domínio da igreja com as “pasquinate”.

Na famosa fábula “A Roupa Nova do Rei”, de Hans Christian Andersen, os nobres ao redor do monarca  fingiam suspiros de admiração pelo trabalho do alfaiate que tecia as invisíveis vestes do rei.

O único personagem capaz de desmascarar a farsa foi uma criança, gritando: “O rei está nu!”. Para os romanos, a estátua era uma forma de desafiar o poder e de desabafar o mau humor popular.

piazza Pasquino, Roma

Ao longo dos séculos, diferentes populações como aquela austríaca e espanhola estabeleceram-se no atual território italiano. Por esse motivo, os italianos transformaram a crítica ao poder em uma prática frequente.

Recentemente, Silvio Berlusconi foi um dos alvos de uma “pasquinata”.

Em várias cidades foram pendurados cartazes com a foto do ex- premiê com o nariz  vermelho de um palhaço.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *