Booking.com
qualidade de vida na Itália
DiárioInformações práticas

Qualidade de vida na Itália: confira as cidades vencedoras

Qual a cidade italiana com a melhor qualidade de vida? Essa foi a pergunta respondida pela pesquisa realizada pela Università La Sapienza e pelo jornal econômico político, jurídico e econômico ItaliaOggi.

qualidade de vida na Itália

Em sua 18° edição, o estudo demonstrou que 53,9% da população italiana (mais de 32 mil pessoas) moram em províncias caracterizadas por condições de vida precárias. A pesquisa avaliou 110 províncias do país em nove macro setores: trabalho e negócios, ambiente, criminalidade, marginalização social, população, serviços financeiros e escolares, saúde, lazer e padrão de vida, além de 21 outras categorias e 84 indicadores. A ideia era estabelecer quais territórios ostentam um bem-estar generalizado e em quais locais ele é ausente.

qualidade de vida na Itália

O dado previsível – confirmado pelo estudo – é que, em linhas gerais, na Itália se vive melhor no norte do que no sul do país. No chamado “mezzogiorno” e nas metrópoles as condições de vida pioraram. A única exceção é Turim, no Piemonte.

qualidade de vida na Itália

Desde 20011, Trento ocupava o ranking das cidades com a melhor qualidade de vida, mas esse ano o vértice dessa classificação foi ocupado por Mantova, situada na região da Lombardia. Observando a lista com atenção, é fácil notar que entre as dez primeiras classificadas, nove encontram-se no norte do país. Logo depois de Mantova (primeira classificada), seguem Trento, Belluno, Pordenone, Siena (Toscana), Parma, Udine, Bolzano, Vicenza e Lecco.

qualidade de vida na Itália

Entre as últimas classificadas estão Carbonia-Iglesias (100° posição), Medio Campidano, Reggio Calabria, Imperia (a única cidade do norte que ocupa as piores posições do ranking), Palermo, Caltanissetta, Trapani, Agrigento, Nápoles, Siracusa e Crotone, na Calabria, que ocupa a última posição na lista (110°).  Em todas as metrópoles que superam o número de um milhão de habitantes (com exceção de Turim) o que se nota é a redução da qualidade ambiental.

qualidade de vida na Itália

Pela primeira vez, a qualidade de vida foi considerada insuficiente na capital, Roma, e ocupa a vergonhosa 88° posição no ranking. Entre os piores indicadores da cidade eterna estão aqueles que referem-se a negócios e trabalho, criminalidade, marginalização e padrão de vida.

Na Itália central, as províncias de Siena (Toscana) e Ascoli Piceno (Marche) são aquelas com as melhores condições de vida.

Como você pode contribuir com a atualização constante do Post-Italy.com? Contratando os serviços de nossos parceiros afiliados. Reservando qualquer hotel na caixa de busca do Booking.com presente aqui no site sem pagar nada a mais por isso, comprando antecipadamente aqui os ingressos para os principais monumentos de Roma ou o passe de atrações e transportes Roma Pass, adquirindo ingressos para shows e reservando passeios guiados com a Get your Guide nos banners que você encontra na lateral direita do site. Obrigada!

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

468x60