Booking.com
Ruas de Roma

Via Margutta, a encantadora rua dos artistas em Roma

Pessoalmente, teria dificuldade para escolher uma única rua entre tantas que adoro em Roma. No entanto, não hesitaria nem um momento em incluir Via Margutta na lista dos meus cantinhos preferidos na capital italiana.

Apesar de situar-se a poucos metros da famosa escadaria de Trinità dei Monti (Piazza di Spagna) – palco de um contínuo vai e vem de turistas – Via Margutta ainda mantém intacta a sua atmosfera tranquila e a sua histórica vocação de strada degli artisti, ou seja, a rua dos artistas.

Acredita-se que o nome da rua possa ser atribuído à família de Luigi Marguti, um barbeiro que durante o censo realizado em 1526 morava na rua, até então considerada pobre.

Naquela época, Via Margutta servia de estacionamento para carroças e cavalos e também abrigava os armazéns dos edifícios de prestígio da paralela Via del Babuino.

Para entender qual era a condição da rua nos séculos passados basta ler uma inscrição de 1740 que encontra-se em um de seus muros e que lembra que quem espalhasse lixo pela Via Margutta estaria sujeito a multas e a penas corporais. (“D’ordine di Mons.re Rev.imo Presidente delle Strade – si vieta a tutte e sing.le persone fare mondezzaro nella via Margutta – pena di scudi dieci per volta et altre pene corporali…”)

fotos-centro-roma

Foi somente a partir do século XVII que a fisionomia da rua começou a mudar.

Sob ordens de Papa Paulo III, a cidade começou a conceder a isenção de impostos para os artistas que estivessem dispostos a transferir-se para a Via Margutta.

Peter Paul Rubens e Giorgio De Chirico tiveram os próprios estúdios ali e foi na Via Margutta que Pablo Picasso conheceu a bailarina Olga Chochlova

Wagner e Debussy também trabalharam na mesma rua e entre os seus ilustres moradores também estavam o cineasta Federico Fellini e o escritor Truman Capote.

Na década de 60, Capote ambientou o conto intitulado Lola na Via Margutta.

imagens-via-margutta-roma

A rua também serviu de cenário para a sétima arte pois era ali que encontrava-se o apartamento que serviu para as gravações de A princesa e o plebeu (Vacanze Romane), comédia romântica cujos protagonistas são Gregory Peck e Audrey Hepburn.

Essa fama de rua dos artistas é visível na Fontana delle Arti, a Fonte das Artes que jorra na Via Margutta, decorada com paletas, cavaletes e um balde de pincéis de pedra.

Atualmente, além de abrigar hotéis de luxo, butiques refinadas e uma escola de arte, Via Margutta também conserva ateliês de artesãos que resistem heroicamente ao fenômeno da globalização.

Superando a timidez, é um prazer conversar com mestres como Fiorentini.

Há décadas, na Bottega del Marmoraro, ele dedica-se à técnica do entalhe, gravando frases em pedaços de mármore.

Entre provérbios em dialeto romanesco e palavras da sabedoria popular, conversamos com o artesão sobre as mudanças na “fisionomia” da cidade eterna, na dificuldade de presevar tradições.

Por todos esses motivos, em uma próxima viagem à Roma, não deixe de contemplar a beleza e a autenticidade de Via Margutta.

Para chegar lá:  Linha A do Metrô, parada Spagna. Saindo do metrô, percorra Via del Babuino por poucos metros até encontrar, à sua direita, uma placa indicando para virar na Via Margutta.

Procurando hospedagem? Reservando qualquer hotel aqui no Post-Italy.com, a partir dessa caixa de busca, eu ganho uma pequena comissão e você não paga nem um centavo a mais por isso. Assim você colabora com o site e eu agradeço!

Booking.com

This article has 7 comments

  1. Anonymous

    Nossa ! Adorei saber mais detalhes dessa rua onde nos hospedamos em Roma ! Picasso encontrou Olga ali ? Eh como voltar no tempo! Grata pelo post ! Acompanho sempre , amo esse pais !

  2. Anelise Sanchez

    Ficamos felizes com os elogios!

  3. Carmem

    Lemos o post e fomos conferir. Linda rua! Obrigada, Anelise!

  4. Anelise Sanchez

    Ficamos sempre muito felizes quando os leitores apreciam a beleza de Roma graças às nossas dicas! Obrigada!

  5. Fábio

    Gostoso ler os seus relatos da cidade eterna!! Que saudades dessas belezas!! Bjs!! Só agora, qual o nome da rua do filme pranzo in ferragosto?? Tem uma rua bem simpática em que ele senta numa mesa na rua pra tomar um vinho!! ?

  6. anelise sanchez

    Obrigada, Fábio! Espero que volte logo para poder passear por aqui. Para ser sincera não lembro dessa cena. Vou pesquisar e te aviso! Beijos e tenha um ótimo dia!

  7. anelise sanchez

    Oi Fábio! Na dúvida fui procurar de novo essa cena do filme. Eu e meu marido chegamos à conclusão que se trata da Via della Scala, no bairro de Trastevere. Uma curiosidade: o local existe mesmo e o personagem que aparece na cena é o real proprietário do local. Abraços,

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *