Booking.com
Vindima na Itália
Tocar

Vindima e pisa da uva na Itália

Quem produz vinhos sabe que o seu maior aliado ou inimigo é o clima. Ficar de olho nas previsões meteorológicas é fundamental para garantir uma ótima safra. Desse ponto de vista, na Itália o ano de 2017 foi atípico. Durante a primavera, as geadas em algumas regiões “queimou” os brotos de videiras mais sensíveis.

6

Nesse verão, a seca e o calor abafado proveniente do continente africano contribuíram com a colheita antecipada em algumas províncias. Até o momento da chamada “invaiatura” – a coloração e o amadurecimento das uvas – ocorreu cerca de dez dias antes do previsto.

3

Geralmente, na Itália a vindima começa com as uvas Pinot e Chardonnay e continua com a colheita de uvas vermelhas autóctones como Sangiovese, Montepulciano, Nebbiolo, Aglianico e Nerello.

Do ponto de vista quantitativo, esse será um ano “magro”, com os menores índices desde 1947. Estima-se que o país produzirá 41 milhões de hectolitros, cerca de 25% em menos em relação ao ano anterior.

7

A situação é similar em muitas regiões italianas. Lácio e Úmbria preveem uma redução de – 40%, enquanto na Sicília a queda da produção será de – 35%. Na Toscana, Abruzos e na Puglia as estatísticas são de – 30%, enquanto a Câmpania registra um incremento produtivo de 5%.

Vendemmia

Segundo a associação de agricultores Coldiretti, apesar da produção restrita as exportações de vinho made in Italy cresceram 4,7% em relação ao ano passado, movimentando cerca de 5,6 bilhões de euros.

5

Sobre a qualidade das uvas, o cenário é muito heterogêneo, mesmo em vinhedos situados na mesma região. Gabriele Valeriani, produtor de Chianciano Terme (Toscana), afirma que as uvas de seus vinhedos conseguiram resistir às condições climáticas adversas, mantendo suas ótimas características. “As videiras de Sangiovese sofrem mais com a umidade do que com o clima mais quente e seco” .

1

Nessa região da Itália o enoturismo é uma tendência consolidada. Seja nos agriturismos (propriedades rurais que oferecem hospedagem) ou nas vinícolas, é possível acompanhar cada etapa da produção dos vinhos e, obviamente, degusta-los.

2

Apesar dos progressos tecnológicos e da tecnologia de ponte empregada no mercado enológico italiano, a vindima é sempre um momento de festa e confraternização. Anualmente, o agriturismo Palazzo Bandino convida os hóspedes a experimentarem a vindima tradicional. Cada um recebe um balde e uma tesoura para podar com atenção os cachos de uva das parreiras. Esse ano o evento acontece no final de semana de 2 e 3 de setembro.

4

As frutas são despejadas em um grande tonel de madeira e pisadas ao ar livre pelos participantes. A sensação é prazerosa e o aroma que invade o ambiente contagia todos. Em poucos minutos a magia de obter o suco das uvas se realiza, mas esse líquido, obviamente, não é utilizado para consumo.

8

Os hóspedes poderão degustar o mosto da uva, provar tratamentos de beleza como uma imersão em uma banheira com vinho e saborear um jantar com pratos a base de vinho. Mesmo quem mora em uma metrópole curte a emoção de provar, por pelo menos por um dia, a rotina da vida rural.

Vendemmia

Reserve aqui, com a Get your Guide, parceira desse site, tours e excursões pela Toscana.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *