Booking.com
vinhos italianos
SaborearVinhos e receitas

Da videira ao cálice de vinho italiano

Fazer uma pausa para degustar um cálice de um bom vinho italiano é sempre um grande prazer, um momento de contemplação. No entanto, nos bastidores das melhores etiquetas do mundo enológico o trabalho no campo é árduo e incessante.

vinhos na Italia

Durante o verão, um dos melhores espetáculos da natureza italiana é a abundância de cachos de uvas nas videiras. De norte a sul do país, é possível encontrar trepadeiras cujos ramos são sustentadas por uma pérgula, na horizontal, ou por uma espaldeira. Com esse último sistema, a videira é conduzida na vertical, em armações formadas por postes de madeira e prendidos por fios de arame em uma cerca.

vinhos na Italia

E 2015, a Itália superou a França e afirmou-se como o primeiro produtor mundial de vinhos, com 48,8 milhões de hectolitros. Os franceses registraram uma produção de 46,4 e os espanhóis 36,6.

vinhos na Italia

Para os agricultores, cada estação coincide com um ciclo evolutivo da videira e no verão – antes que as uvas amadureçam completamente – é o momento de realizar um trabalho que requer paciência e constância: a chamada sfogliatura e dirado dei grappoli.

vinhos na Italia

Para garantir a produção de uva excelente, os agricultores realizam uma poda delicada, eliminando as folhas presentes nas proximidades dos cachos. Isso facilita a passagem da luz, permite que as frutas estejam bem arejadas e portanto menos sujeitas à umidade e a agentes patógenos.

vinhos na Italia

Seja qual for o objetivo final do produtor, o controle do amadurecimento das uvas é fundamental. Aquelas menos maduras podem servir de base para espumantes ou vinhos brancos, enquanto os frutos bem maduros serão empregados nos vinhos tintos ou envelhecidos e aqueles que superaram o ponto de amadurecimento nos vinhos licorosos usados para acompanhar sobremesas.

vinhos na Italia

Depois de retirar o excesso de folhas é realizado o chamado dirado dei grappoli, para diminuir a produção em excesso, uniformar as videiras e equilibrar as plantas que, assim, amadurecerão, uvas de ótima qualidade e maior prestígio.

vinhos na Italia

Os cachos de uvas supérfluos – aqueles atacados por parasitas ou que amadurecerão por último- são cortados e apoiados sobre a terra, até serem recolhidos. Obviamente, os cachos cortados não são desperdiçados porque representam o resultado de um longo trabalho. Geralmente, eles são transformados em geleias ou utilizados na produção de cosméticos, inclusive orgânicos.

vinhos na Italia

Em algumas estruturas hoteleiras italianas as uvas também servem para realizar tratamentos estéticos, como massagens e banhos de vinho.

Fotos de Alfredo Santucci realizadas no agriturismo Palazzo Bandino.

Procurando hospedagem? Reservando qualquer hotel aqui no Post-Italy.com, a partir dessa caixa de busca, você não paga nem um centavo a mais por isso e eu ganho uma pequena comissão. Assim você colabora com a atualização constante do site e eu agradeço! 



Booking.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *