Basílica de São Francisco de Assis
Conselhos de bate-volta

Como ir de Roma a Assis. Um tour que faz bem para a alma.

Visitar Assis, na região da Úmbria, é sempre uma experiência…A escolha das reticências não é casual. Acredito que cada um de nós descreveria uma viagem até Assis de uma maneira única e personalíssima.

Assis, Úmbria, Itália

Basta colocar os pés na terra natal do padroeiro da Itália para perceber que Assis é uma cidade que, metaforicamente, abraça toda a natureza humana. Claro que por suas ruas é mais fácil cruzar com peregrinos, missionários e freiras católicas, mas a sua  vocação à fraternidade é uma linguagem universal. Não me refiro a um valor puramente moral ou religioso. Conheci diversas histórias de vida. Pessoas que mesmo não fiéis ao cristianismo emocionaram-se ao visitar Assis.

Assis, Úmbria, Itália

No bem e no mal, há um cotidiano real e tangível além das aparências das mídias sociais. Cada um de nós combate a sua própria batalha e agarra-se as próprias crenças, científicas ou espirituais que sejam, mas todas respeitáveis.

Assis, Úmbria, Itália

A cidade de Assis é considerada patrimônio mundial da humanidade pela Unesco e não poderia deixar de herdar o legado de São Francisco e Santa Clara. Para quem tiver interesse em conhecer a vida dos santos, uma boa pedida é assistir Irmão Sol, Irmã Lua; de Franco Zeffirelli. Uma curiosidade: o cenário do filme foi reconstruído nos estúdios cinematográficos de Cinecittà, que você pode visitar em Roma.

Assis, Úmbria, Itália

Se o tempo a sua disposição for escasso, comece explorando a Basílica de São Francisco, o monumento que domina a paisagem da cidade e que começou a ser erguida a partir de 1228, dois anos após a morte do santo. A construção é peculiar porque composta por uma igreja superior e uma inferior  decorada por importantes artistas italianos.

Assis, Úmbria, Itália

A parte mais baixa hospeda a cripta com o túmulo de São Francisco e capelas laterais projetadas no século XIII para receber o significativo número de peregrinos que a visitam.

Assis, Úmbria, Itália

A igreja superior é um espetáculo arquitetônico. Sua fachada em estilo gótico é decorada com uma rosácea e um dos cartões postais mais fotografados da cidade. Em seu interior, os grandes destaques são o ciclo de 28 afrescos de Giotto sobre a vida de São Francisco de Assis e o crucifixo de madeira de Cimabue. Infelizmente, não é possível fotografar o interior da Basílica de São Francisco.

Assis, Úmbria, Itália

Vocês devem se lembrar do terremoto de 1997 que atingiu Assis, mas ao contrário de outros lugares da Itália atingidos por sismos, como L’Aquila, no Abruzzo, o restauro da basílica foi relativamente rápido.

Assis, Úmbria, Itália

Outro símbolo do turismo religioso na cidade é a Basílica de Santa Clara, que além do corpo da santa e de preciosas obras de arte também guarda o crucifixo que teria dado a Francisco a ordem de se converter e de aprimorar a igreja de Deus. Passeando por Assis, na Piazza del Municipio, aquela que abriga no Palazzo dei Priori abriga a prefeitura local, não deixe de admirar o Tempio di Minerva e sua fachada quase intacta de um templo romano da época de Augusto e o chamado Palazzo del Capitanato del Popolo, famoso pela sua torre.

Assisi

Se ainda tiver tempo, não deixe de conhecer pelo menos a fachada românica do Duomo dedicado a San Rufino e construído entre os séculos XII e XIII. Acredita-se que ali teriam sido batizados São Francisco e Santa Clara.

Assis, Úmbria, Itália

De lá, percorra a Via Santa Maria delle Rose para chegar até a Rocca Maggiore, uma fortaleza medieval reconstruída mais de uma vez com uma vista dos vales nos arredores de AssisQuem passar mais de um dia em Assis pode aproveitar para passear pelo bosque de São Francisco, um percurso aos pés da basílica que você percorrerá no meio de 64 hectares de natureza e considerado um lugar ideal para encontrar silêncio e vivenciar momentos de contemplação.

Assis, Úmbria, Itália

Um pouco mais afastado do centro, no interior da Basilica di Santa Maria degli Angeli fica a Porziuncola. Era uma capela do século IV onde o santo rezava e teria fundado a Ordem dos Frades Menores. Também foi o lugar que escolheu para morrer. Seria um erro considerar Assis um passeio ideal só para fervorosos fiéis. A cidade símbolo de paz é um programa que faz bem para a alma e te deixa mais leve.

Você pode visitar a cidade por conta própria pegando um trem regional que da capital (estação Termini ou Tiburtina) chega lá em cerca de 2h30. No entanto, se quiser visitar Assis saindo de Roma com tudo organizado, saiba que o Post-Italy.com é parceiro de uma agência que todos os sábados organiza um bate-volta para pequenos grupos até lá. O programa dura o dia inteiro, inclui transporte com acompanhante turístico em língua portuguesa, um passeio à Cássia e almoço em um restaurante típico. Para mais informações, mande um email para postitalyblog@gmail.com

Leia também outros posts sobre São Francisco de Assis ou a Úmbria:

Bate-volta Roma Spoleto, patrimônio da humanidade na Umbria

Gubbio: Úmbria medieval que encanta

La Scarzuola, a mística cidade ideal na região da Úmbria

Bate-volta Roma Orvieto, uma experiência inesquecível

La notte del Barbacane, o histórico assalto à Città della Pieve

Perugina e a história de amor que inspirou o bombom Bacio

Greccio e o primeiro presépio de São Francisco de Assis

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *