cafés na Itália
CafeteriasSaborear

Pequeno dicionário das cafeterias italianas

Quem conhece pelo menos um pouquinho da cultura desse país sabe que, na Itália, alimentação é algo que vai muito além da satisfação de uma necessidade fisiológica. Traduzindo: comer e beber são coisas muito sérias por aqui e, por isso, o ritual do café não foge à regra.

Para um italiano, não basta que um bar ofereça um simples caffè espresso. A xícara deve estar fervendo para que a bebida não esfrie imediatamente assim que for servida. O café deve ser “ristretto” (concentrado) e distinguir-se pelo seu aroma e cremosidade. Os entendedores também acreditam que o melhor é degustar a bebida sem açúcar ou adoçantes.

O paladar exige a sua parte e é hábito beber um copo de água antes de saboreá-lo para que o prazer da degustação de um café seja ainda mais intenso.

O café sempre foi um dos protagonistas do Italian way of life. Um dos dramaturgos mais famosos do país, Eduardo De Filippo, interpretou uma cena na qual diz que “seria capaz de renunciar a tudo, mas não a uma xícara de café”.

Um costume antigo, mas ainda frequente em algumas cidades do sul da Itália, é aquele de consumir a bebida em uma cafeteria e deixar pago um segundo café, para quem eventualmente for até lá mas não tiver dinheiro para pagá-lo. Os italianos são, sim, grandes entendedores em matéria de café e por isso são tão exigentes. Além do clássico espresso, há quem prefira um caffè com ou sem espuma, servido no copo de vidro e não na xícara, com ou sem leite, mais claro ou mais escuro e por aí vai.

Por enquanto, o preço médio de um caffè espresso em Roma é 0,80 centavos de euro, mas esse valor poderá aumentar a partir de março de 2017. Que você ame ou não o café italiano, acredito que qualquer turista fica desorientado diante da variedade de bebidas oferecidas pelas principais cafeterias italianas. Então, aqui segue um pequeno dicionário para ajudar na hora da escolha.

Caffè espresso: aquele curto, preparado na máquina específica, sem leite.
Caffè Macchiato: café espresso “manchado” com um pouco de leite
Caffè Corretto: epresso com adição de algum tipo de licor ou bebida alcoólica.
Caffè Espresso com Panna: com creme chantilly
Caffè al vetro: servido no copo de vidro
Caffè schiumato: Com espuma
Decaffeinato: descafeinado
Caffè shakerato: com gelo, preparado na coqueteleira
Cappuccino: precisa dizer alguma coisa?
Marocchino: Cappuccino com uma camada de chocolate m pó
Nocciolato: caffè com sabor de avelã
Doppio: duas vezes o espresso
Americano: caffè mais fraco, similar aquele servido nos Estados Unidos.
As combinações são muitas, mas seja qual for a sua preferência, não deixe de provar esse ritual em sua próxima viagem à Itália!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *