fossas ardeatinas em Roma
Sexto Sentido

Em memória do massacre das Fossas Ardeatinas em Roma

Roma é uma cidade que, tragicamente, possui diversos lugares símbolo da resistência italiana ao nazifascismo.

Fossas Aredeatinas em Roma

Quem acompanha o Post-Italy.com sabe que sempre dedico espaço a temas menos turísticos – como catacumbas, cemitérios, perseguição à comunidade judaica, imigração e, às vezes, até pautas que beiram as margens da política.

Fossas Aredeatinas em Roma

O slogan desse blog é Itália em todos os sentidos e todo esse “caldeirão” de informações são parte irrenunciável da história e da identidade italiana.

Fossas Aredeatinas em Roma

O dia 25 de abril é uma data muito significativa para o país porque comemora o desembarque de soldados do exército americano e britânico nas cidades de Anzio e Nettuno para libertar Roma do domínio nazifascista na Segunda Guerra Mundial.

Fossas Aredeatinas em Roma

Esse foi um período extremamente conturbado e marcado por diversas tragédias coletivas. Uma das mais dramáticas é o episódio conhecido como o Massacre das Fossas Ardeatinas.

Fossas Aredeatinas em Roma

No dia 24 de março de 1944, Adolf Hitler ordenou pessoalmente o massacre de civis italianos, como resposta à morte de 33 soldados alemães em um ataque de partigiani na Via Rasella, em Roma.

Fossas Aredeatinas em Roma

O ato de represália exigia a morte de dez italianos para cada alemão assassinado. As vítimas foram selecionadas, principalmente, em prisões da região (como aquela da Via Tasso), e incluíram setenta judeus.

Fossas Aredeatinas em Roma

No total, 335 civis foram recolhidos pelos soldados liderados  por Erich Priebke, e por Karl Hass, oficiais da SS, força de elite nazista. O local escolhido para o massacre foram os túneis de uma antiga pedreira próximo da Via Ardeatina, na periferia da capital.

Fossas Aredeatinas em Roma

Depois de desembarcarem dos caminhões nazistas, os civis italianos foram arrastados com violência para dentro dos túneis e assassinados com tiros na nuca. Para completar a operação, depois das execuções, os soldados da SS dinamitaram os túneis.

Fossas Aredeatinas em Roma

O massacre continua gerando polêmicas até hoje porque há quem acredite que os autores do atentado da Via Rasella deveriam ter se entregado aos nazistas, evitando a morte de outros civis. Outros sustentam que a tragédia teria sido planejada com antecedência pelos líderes da SS e aconteceria mesmo sem a guerrilha organizada pelos partigiani.

Fossas Aredeatinas em Roma

Hoje as Fossas Ardeatinas são um mausoléu que tutela a memória das vítimas do massacre e todo dia 25 de abril representantes das instituições italianas prestam homenagem a elas.

Fossas Aredeatinas em Roma

Visitar o lugar é um exercício para a memória. Para não esquecer o passado e defender um futuro livre de totalitarismos, de forma ou de pensamento.

O chamado Mausoleo delle Fosse Ardeatine pode ser visitado gratuitamente de segunda a sexta-feira das 8h15 às 15h15 e aos sábados e domingos das 8h15 às 16h45.

Endereço: Via Ardeatina, 174, Roma. Para chegar lá com o transporte público, pegar a linha A do metrô até à estação San Giovanni e de lá a linha de ônibus 218. Descer na parada Ardeatina/Fosse Ardeatine.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *